Sobre

O Grupo prioriza questões epistemológicas e ontológicas relacionadas à condição humana, sua essência e potencialidade. Tal como Heidegger, prioriza a “humanidade do homem humano”, buscando um sentido ontológico para a existência, no contexto da fluidez contemporânea, das novas espacialidades e suas repercussões na experiência.
A influência do pensamento fenomenológico em Geografia repercute nas mais diferentes formas: metodológica, epistemológica e ontológica. Se levada a cabo, pode significar um repensar de toda a ciência geográfica, do ser e da experiência cotidiana no mundo da vida.
O Grupo busca filosofias que promovam uma perspectiva fenomenológica e hermenêutica da ciência e do conhecimento, no campo interdisciplinar, desde seus aspectos teóricos até os práticos.
As linhas de pesquisa refletem este duplo movimento: o de aprofundamento na compreensão das bases fenomenológicas, seus princípios e consequências ontológicas, e um esforço de aplicação e reconstrução metodológica da geografia, buscando uma ciência orientada, na teoria e na prática, por tais princípios. Em vista disso, a fenomenologia inspira metodologicamente o trabalho em vários temas, desde problemas ambientais, populacionais e urbanos até sentidos espaciais e geográficos na arte. Em todos os casos, suas implicações ontológicas e a experiência dos fenômenos permitem refletir sobre a condição humana, de um lado, e apreender o fenômeno em micro escala, de outro, possibilitando assim a articulação com outras escalas de investigação.
O Grupo existe desde 2004, tendo organizado uma série de encontros de estudos em 2006, 2007, 2008 e 2009, envolvendo pesquisadores e alunos da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e da Universidade Estadual de Londrina (UEL). A partir de 2008, ajudou a fundar o Grupo de Pesquisa Geografia Humanista Cultural, sediado na Universidade Federal Fluminense (UFF), ajudando a organizar sua revista (Geograficidade) e eventos anuais (http://www.geografiahumanista.wordpress.com/). A partir de 2012 passou a ser sediado no Centro de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas (CHS) da Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA) da Unicamp, constituindo-se em ponto de agregação de interessados na temática.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s